Product Backlog: como funciona e qual a sua importância?

7 minutos para ler

O Product Backlog se trata de uma lista de funcionalidades e características desejadas de um produto, ou seja, os requisitos que um consumidor deseja receber ao final do projeto. Com ele, é possível acompanhar de perto o andamento de cada projeto, de modo organizado e por etapas.

Um projeto ágil exige interação e cooperação entre os colaboradores de sua gestão, para melhorar o fluxo de informação e mitigar falhas. Dessa forma, as exigências dos clientes são atendidas e você é capaz de diminuir custos com essa prática, além de engajar sua equipe com facilidade.

Posto isso, preparamos este texto com o objetivo de demonstrar como o Product Backlog funciona e qual é a sua importância para as empresas. Confira agora!

O que é Product Backlog e para que ele serve?

O Product Backlog é uma lista que inclui detalhes de todas as funcionalidades almejadas para um item único ainda não atribuídas a um responsável. Esse catálogo traz os requisitos para um determinado projeto, priorizados conforme o valor a ser entregue ao cliente.

As descrições presentes nessa lista podem modificar tarefas, que no futuro serão realizadas pela sua equipe de desenvolvimento. Assim, fica mais simples priorizar o que deve ser feito, seguindo o seu processo de trabalho. Os itens do Product Backlog costumam ter baixo grau de detalhamento quando ainda estão distantes de serem desenvolvidos e esse detalhamento vai sendo aumentado conforme sua prioridade vai subindo.

No mundo perfeito, o Backlog deve ser administrado pelo product owner, que faz o papel do gestor da mercadoria e é o responsável por todas as questões de um software, desde as metas estratégicas até os detalhes de experiência do usuário. O papel de product owner pode ser dividido entre várias personas para cobrir todos os pontos relevantes para cada item do backlog.

Contudo, isso não se baseia em uma lista estanque. De acordo com o avanço do projeto, os requisitos são descobertos e, com isso, o Backlog deve ser ampliado. É fundamental que contenha dados suficientes para que sua equipe seja capaz de realizar estimativas de desenvolvimento. Por isso a importância dos itens que estão com prioridade baixa não serem extremamente detalhados, pois pode ocorrer destes itens não subirem de prioridade e o esforço de definição foi poupado.

Qual a sua relação com a gestão ágil?

A gestão ágil surgiu a partir do Manifesto ágil, que foi desenvolvido por profissionais de TI em 2001, a fim de tornar os processos mais coesos por meio de princípios fundamentais que visam salvaguardar o sucesso do desenvolvimento de um serviço ou produto. Os pilares dessa gestão são:

  • software em atuação mais do que documentação abrangente;
  • indivíduos e interações mais que ferramentas e processos;
  • colaboração com o consumidor mais que negociação de contratos;
  • respostas a mudanças mais que seguir um determinado plano.

Desse modo, metodologias que são bastante conhecidas como o Kanban e o Scrum são consideradas frameworks ágeis. Nessa situação, o Backlog pode ser utilizado para ambos os métodos. A diferença está na forma de execução dos itens, no Kanban, adota-se uma execução contínua e conforme as entregas, são encapsulados pacotes que façam sentido para o negócio do cliente; já no Scrum, a divisão de pacotes acontece antes da execução com tempos de desenvolvimento bem definidos para a conclusão.

Por quais motivos o Product Backlog é tão importante?

Essa metodologia é muito importante para a gestão da sua empresa. Veja, agora, alguns pontos que evidenciam a relevância da sua criação.

Flexibilidade

Com uma lista bem estruturada de prioridades, é mais simples aumentar ou diminuir a ambição do projeto no meio do percurso. Isso faz com que você consiga oferecer um item mais comprimido, mas que ainda apresente o devido valor para o consumidor. Sem estar enclausurado em regras imutáveis, seu planejamento representará o melhor para suas metas. Além disso, como os itens com baixa prioridade não demandaram muito esforço, podem ser repensados ou trocados sem grandes impactos antes que sejam colocados em execução.

Organização

Entender o que é Backlog auxiliará seus colaboradores a se orientarem a cada nova fase de planejamento. Mesmo que seja modificado constantemente, sempre é melhor contar com uma base para dar ênfase às atividades do que recomeçar tudo. Esta prática pode inclusive auxiliar nas tomadas de decisões técnicas das implementações em curso, tendo a visão do que estar por vir.

Possibilidade de ajustar detalhes

Um projeto ágil não necessita de um planejamento completo desde o começo. Você pode ter uma visão macro e ajustar os detalhes conforme suas atividades se desenvolvem, iniciando o trabalho de forma mais rápida.

Dessa forma, não há o risco de desperdiçar capital e tempo indo no percurso errado. Esse caminho vai se ajustando sempre que as metas forem identificadas

Como o Product Backlog pode ser desenvolvido de forma eficaz e assertiva?

Agora que você já sabe sobre a importância desse conceito, veja a seguir como ele pode ser desenvolvido.

Identidade do produto

O Backlog precisa iniciar com um título que seja autoexplicativo e resumido. Para entender melhor, imagine a criação de um projeto de telefonia. A criação do seu título pode ser representada por algo bem direto e fácil, como “Backlog do projeto de telefonia”. Não é necessário que esse nome seja chamativo, mas, dessa forma, ele é muito mais funcional para facilitar o entendimento dos seus colaboradores.

Atividades e descrições

Em seguida, é preciso listar as atividades previstas para o projeto, em conjunto com as suas descrições e o lapso temporal estimado de cada uma delas. É fundamental criar itens que possam ser solucionadas em pouco tempo, como alguns dias, uma semana ou um mês.

Caso algum item esteja fora desse escopo, é preciso apenas dividi-lo em atividades menores. Dentro do projeto do exemplo acima, pode ocorrer que exista um total de 10 tarefas. Nessa situação, cada uma seria um novo item do Backlog, em que é possível observar atentamente o status do processo

Estabelecimento de prioridades

O principal objetivo de entender o que é Product Backlog e implantá-lo é comunicar ao time quais são as prioridades que devem ser seguidas para o desenvolvimento. Dessa maneira, todas as atividades e componentes devem ser organizados conforme sua importância para o usuário final.

Depois disso, chega o momento de criar uma lista menor a partir da principal a cada período de interação. Essas são as tarefas que seus colaboradores devem cumprir imediatamente, sem as interromper até que estejam totalmente concluídas.

Para melhorar a perspectiva de montagem de Backlog mais relevante e eficaz para os anseios do cliente, existem técnicas de definição de produtos e requisitos como Lean Inception e Product Backlog Building.

Enfim, existem diversas formas de otimizar o aproveitamento de suas estratégias. No entanto, isso pode variar conforme o nível de experiência dos profissionais e a quantidade de desenvolvedores que fazem parte do projeto. No entanto, com uma boa frequência de reuniões, você pode alinhar as etapas de produção e disponibilizar feedbacks sobre o que melhorar, por exemplo.

O uso do Product Backlog é uma forma bastante eficiente de manter suas atividades organizadas e poder priorizá-las com facilidade de maneira independente.

E aí, o que achou deste post? Que tal saber agora quais são os tipos de metodologias ágeis e quais são seus benefícios? 

Posts relacionados

Deixe um comentário